Logo PCR

CTTU amplia período de transição para o Zona Azul Digital

29.07.19 - 09H52
CTTU amplia período de transição para o Zona Azul Digital
FOTO: Andréa Rêgo Barros/PCR
 
Sistema de vagas rotativas da cidade passou a ser ativado por meio digital há um mês. A partir desta terça (30), a CTTU reforça ações educativas para orientar motoristas para o uso. Prazo de validade do talão de papel foi ampliado
 
A Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) promoverá uma ação educativa a partir da terça-feira (30) para orientar os cidadãos quanto à utilização do Cartão de Zona Azul Digital pelo aplicativo e pelos pontos de venda. O serviço, que completa um mês na próxima quinta-feira (1º), terá o prazo de transição do papel para o digital estendido até o dia 31 de agosto.

Desde o início do serviço digital, agentes e orientadores de trânsito foram capacitados para orientar os cidadãos na ativação do Cartão de Zona Azul Digital e, além disso, o teleatendimento da CTTU e da Serttel está disponível durante todo o horário comercial. Na sede da CTTU, idosos e os demais cidadãos também tem recebido orientações. Além do reforço nas equipes de orientação, o prazo de validade do talão de papel será estendido até o dia 31 de agosto.

Desde o primeiro dia de implantação do sistema da Zona Azul Digital, a CTTU vem acompanhando de perto toda a sua operação e identificou um crescimento expressivo de utilização do aplicativo Zona Azul Digital na cidade. Já foram feitos mais 51 mil downloads do aplicativo e cerca de 48 mil ativações, sendo 60% pelo aplicativo e 40% pelos pontos de venda fixos, números considerados relevantes, já que demonstram a adaptação progressiva do cidadão à modalidade digital.

Além disso, o sistema do aplicativo Zona Azul Digital Recife tem recebido constantes aprimoramentos, através das atualizações realizadas periodicamente. Nestas atualizações, foram incorporadas melhorias de funcionamento, principalmente, para minimizar as dificuldades de utilização relatadas por alguns usuários.

Com base nas notificações dos usuários do aplicativo, a CTTU constatou que a maioria deles são decorrentes de uso incorreto, sobretudo nas rotinas de cadastro. Para diminuir estas dificuldades de utilização e facilitar a adaptação do cidadão ao aplicativo, a CTTU intensificará as orientações aos usuários. Durante o próximo mês, mais uma equipe com 20 profissionais ajudará na orientação dos usuários para ativar a vaga de Zona Azul Digital da maneira correta – tanto pelo aplicativo, como pelo ponto de venda. Os orientadores serão facilmente identificados pela população, pois estarão devidamente padronizados.

Taciana Ferreira, presidente da CTTU, destaca a necessidade de adaptação da população ao novo formato de Zona Azul. “A Zona Azul Digital requer uma adaptação da população para essa nova modalidade. Verificamos que, a cada dia, essa nova forma está se consolidando junto à população, contudo a prorrogação deste prazo visa dar maior comodidade e segurança para as pessoas que estão fazendo a migração do papel para o digital”, afirmou a gestora.

SUPORTE – A Mobilicidade, plataforma de mobilidade urbana da Serttel (empresa responsável pelo aplicativo Zona Azul Digital), possui um teleatendimento pelo qual o usuário pode entrar em contato em casos de dúvidas em relação ao funcionamento do aplicativo. A ligação custa o preço de uma chamada local e o serviço é oferecido de 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 12h aos sábados, pelo números 3136-9187 ou 3344-6070.
Categoria de Artigo