Logo PCR

CTTU dá dicas para direção nos dias chuvosos

22.07.19 - 18H12
CTTU dá dicas para direção nos dias chuvosos

Redução da velocidade, faróis acesos, atenção redobrada e muita cautela. Se a chuva for intensa, é importante parar o veículo em local seguro

Nesta segunda-feira (22), a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu um alerta para a possibilidade de chuvas fortes no Recife nas próximas 24 horas. Entre os diversos perigos de fenômenos como este, estão os riscos que os motoristas correm no trânsito. Por isso, conversamos com o gerente de fiscalização da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), Nilton Prazeres, para dar algumas dicas sobre os cuidados que se deve tomar para dirigir na chuva. 

"A chuva é um transtorno em qualquer localidade, a pista fica molhada, se for algo de maior intensidade, as vias ficam alagadas, a visibilidade fica mais baixa, esses são os principais problemas que os motoristas enfrentam. A principal recomendação é não dirigir com chuvas intensas, mas, se for imprescindível, o motorista deve ligar os faróis para se fazer visível e, também, reduzir a velocidade para não escorregar na pista molhada. No entanto, é importante ressaltar que o uso do farol alto prejudica o condutor em sentido contrário, ofuscando-o e favorecendo a desorientação", explica o gerente.

Confira outras dicas de direção em dias chuvosos:

1. Observe a visibilidade que tem da pista. Se a chuva estiver muito forte, pare em local seguro.

Se a chuva estiver muito forte e o limpador de para-brisa não for suficiente para dar a visibilidade necessária, a atitude mais prudente é parar o carro em um local seguro para esperar a chuva diminuir e a visibilidade melhorar.

2. Acione o limpador de para-brisa e o mantenha em bom estado

De acordo com o Artigo 230 de Código de Trânsito Brasileiro (CTB), dirigir na chuva sem acionar o limpador de para-brisa é uma infração grave e punível com multa, isso porque o instrumento é um equipamento de segurança no carro e vai auxiliar o motorista nessas ocasiões. O limpador perde a eficiência com o tempo de uso, por isso, é importante, com frequência, trocar as borrachas para manter o padrão necessário. 

3. Observe o carro da frente

Observe o carro da frente, por onde ele vai passar e como fará. Se for um carro mais alto, observe a altura da água, se há buracos na via e a velocidade que o veículo anda para, assim, ir com mais segurança e cautela na via, em caso de alagamento.

4. Atenção aos pedestres

Se os veículos estão vulneráveis na situação de chuva, o pedestre, ainda mais. Além dos riscos por alagamentos, os carros devem dar prioridade aos que vão a pé, como em todas as situações que envolvem o trânsito. É comum haver o respingo de água quando os veículos passam em alta velocidade, essa prática é considerada uma infração de natureza média, de acordo com o Artigo 171 do CTB.

5. Não tire as mãos do volante

Tirar as mãos do volante durante a chuva para falar ao celular ou qualquer outra atividade pode fazer o condutor perder o controle do veículo. As mãos no volante vão ajudar a controlar o carro e, por isso, a atenção deve ser dobrada. 

6. Pare de acelerar em caso de aquaplanagem

A aquaplanagem é um fenômeno em que o veículo perde o contato direto com o asfalto devido a água abaixo do pneu. Isso pode acontecer em qualquer pneu, mas quando os pneus estão com estados de conservação precários (carecas), é mais possível. A alta velocidade também contribui para ocorrência da aquaplanagem. Por isso, é importante manter uma velocidade menor e pneus em bom estado. Além disso, se a aquaplanagem acontecer, é importante que o condutor pare de acelerar para não perder completamente o controle do veículo.

Categoria de Artigo